Descobrir
Comece uma coleção Pesquisar

Notas de Felipe Carlotto

11 contribuíram 133 estão participando

Ver mais posts

CarlottoFelipe

Publicado há 762 dias - 0 estrelas

Premiar
Não quero falar sobre tristeza  faço o que me parece possível  deixando o res...

Não quero falar sobre tristeza, faço o que me parece possível, deixando o resto pra Deus.
É impossível atravessar por esse mundão, sem perder um amor.
Com o tempo, nos tornamos pessoas maduras, aprendemos a lidar com as nossas perdas e já não temos tantas ilusões.
Mas o que fazemos com os nossos contos de fadas? Como desistir de encontrar alguém que acalme nosso coração e nos faça interromper as buscas?
E estar ao lado de alguém que conhece nossos defeitos sabe o nosso jeito de pensar e fala até no silêncio.
Não precisamos de tantas explicações tantos disse-me-disse. E você pode ficar ali, quietinho, sem que seu silêncio incomode o outro. Quando se fala muito sem dizer nada.
Quando um olhar já fala tudo, e diz: eu estou aqui com você?
Não bastando o silêncio de fora, preciso silenciar a minha alma.
Comecei ouvir coisas que antes não ouvia quando estou em silêncio.
E descobri que afastamos a felicidade e culpamos outro por nossas escolhas, perdemos tempo tentando conquistar o que está longe, sem valorizar o que está perto.
Como somos tolos em nossos pensamentos limitados, buscar o não sei o que não se onde, é uma busca infundada.
Contar com a felicidade que ainda não se viu e desprezar a que está por perto por medo de perder a que não se tem.
Não quero mais palavras perdidas saindo de minha boca, quero falar do que realmente sinto e me fazer entender, sem deixar sombras. Quero saber falar para quem amo o que realmente sinto, ficar livre de meus rancores, e minhas dúvidas, mas o que fazer se falo tudo errado?
Digo o que não quero e não digo o que realmente espero.
Perdi tanto amores por não dizer ou por dizer demais. Minhas lágrimas me fizeram melhor, por que aprendi a lavar minha alma e acalmar o meu passo e confiar que posso fazer apenas o possível.
Contudo, mantenho o coração aberto para que Deus dirija. E quero estar atento quando Ele disser “Vamos meu filho, é por aqui.”

@felipe.carlotto.oficial

Comentar
Crie sua coleção de placas